© Acep 2016

Objectivos

Este projecto centrou-se nas representações de género veiculadas por mensagens jornalísticas e publicitárias, que apresentam mulheres e homens de forma caricatural e estereotipada, em grande parte por falta de formação/sensibilização dos profissionais de comunicação (jornalistas, assessores de imprensa e agências de comunicação/publicidade).

 

O projecto visou ainda estudantes em comunicação, numa perspectiva de sensibilização de futuros profissionais, e organizações da sociedade civil da área da igualdade de género, que têm dificuldades em fazer-se ouvir dos meios de comunicação.

 

Com vista a sensibilizar profissionais e estudantes sobre a sua responsabilidade na eliminação de estereótipos de género e a pôr em diálogo organizações de diferentes sectores, realizaram-se tertúlias e workshops, um programa de mentoria, a produção de vídeo-narrativas e a criação de uma plataforma multimédia, produto que possui um elevado grau de transmissibilidade, sendo os conteúdos apropriáveis por outros meios multimédia (webTV e redes sociais). No futuro prevê-se inclusive alargar esta intervenção aos PALOP.

Principais resultados

  • criação de uma Plataforma Multimédia de narrativas digitais
    e-storias d'igualdade

  • organização de tertúlias sob o lema “Comunicar com igualdade”

  • organização de workshops "Comunicar com Igualdade"

  • programa de mentoria para estudantes de comunicação

Âmbito geográfico

Portugal – Distritos de Porto e Braga

Apoio Financeiro

CIG - Comissão para a Cidadania e Igualdade de Género ; POPH – Programa Operacional de Potencial Humano; QREN - Quadro de Referência Estratégia Nacional; União Europeia, Fundo Social Europeu

  • facebook-7-64 (1)